Logística para e-commerce: pontos essenciais e novas tendências


Depois de atrair e conquistar clientes, uma nova jornada começa: a de superar as expectativas na primeira compra e manter o grau de satisfação nas próximas. Com isso, a logística para e-commerce passa a figurar uma estratégia fundamental.

Mas você sabe o que deve considerar nessa estratégia? Sabe se está fazendo tudo direito? Não se preocupe, pois nesse post vamos mostrar os pontos essenciais para ter sucesso na logística e, de quebra, apontar algumas das tendências mais promissoras para o setor. Confira!

4 pontos essenciais da logística para e-commerce

A seguir, você vai descobrir quais fatores devem formar um sistema de entrega alinhado para superar as expectativas do consumidor:

1. SLA (Service Level Agreement)

O SLA envolve oferecer níveis de serviços diferenciados como tipo de embalagem especial, entregas prioritárias, rastreamentos mais específicos, logística reversa em caso de devoluções de mercadorias etc. O ideal é que todos esses serviços sejam executados com excelência e estejam alinhados para dar certo.

2. Controle de estoque

Para quem tem loja física e virtual, o controle de estoque fica mais complexo, exigindo um gerenciamento integrado para os dois canais de vendas. Uma técnica utilizada com sucesso pelas empresas de e-commerce é o Omnichannel, que disponibiliza diversos canais para a interação e compra dos produtos e serviços.

Nesse caso, o controle de estoque deve estar alinhado com a estratégia multicanal para não faltar mercadorias em um e sobrar em outro, por exemplo.

3. Planejamento

De acordo com os dados do histórico de entrada e saída de mercadorias, você deve projetar períodos de alta e baixa demanda e estabelecer metas para cada um deles, considerando o percentual de aumento que a empresa tem apresentado.

Também deve ficar atento aos recursos disponíveis e às tendências tecnológicas e metodológicas para manter a empresa atualizada e sempre à frente da concorrência, realizando entregas mais rápidas e com qualidade.

4. Curva ABC

Também conhecida como Análise de Pareto, a metodologia pode ser utilizada para reduzir custos com logística e melhorar o atendimento ao cliente. Isso porque o estudo deve apontar que produtos e serviços vendem menos e representam 80% das receitas, bem como os que vendem mais e são responsáveis por apenas 20% das receitas.

Essa análise deve ajudar a posicionar as mercadorias mais lucrativas e de melhor saída em locais mais estratégicos, como os próximos de portões de embarque.

4 novas tendências da logística para o e-commerce

Além das metodologias utilizadas atualmente, algumas tendências devem revolucionar o mercado de logística para e-commerce. Veja as principais abaixo:

1. Same-day e one-day delivery

Trata-se de um método que envolve a entrega de forma bem rápida para o cliente. Geralmente, ele é utilizado em casos em que o cliente tem urgência em receber o produto, como medicamentos, ou quando a mercadoria se deteriora rapidamente, como peixes e frutas.

Por meio da técnica cross-docking, a mercadoria sai do fabricante e, quando chega ao centro de distribuição, já tem um veículo esperando por ela para seguir viagem até o destino final, eliminando o processo de armazenagem. Ou seja, a mercadoria dá entrada e saída ao mesmo tempo.

2. Rastreamento em tempo real

Com o avanço das tecnologias e a popularização dos serviços online, os satélites passam a contribuir em larga escala nas estratégias comerciais. Dessa forma, métodos de rastreamento em tempo real das mercadorias serão realidades em breve.

3. Novos modais de entrega

Cidades que possuem tráfego pesado de veículos, como São Paulo, impedem que as estratégias de same-day e one-day delivery sejam executadas com sucesso. Para resolver o problema, uma tendência que deve ganhar força é a utilização de bicicletas e drones como novos modais de entrega.

4. Roteirização dinâmica

Muitas vezes, um veículo sobrecarregado de tarefas pode não dar conta das entregas programadas para o dia, devido a imprevistos ou mesmo ao excesso de entregas a serem realizadas.

Uma forma de resolver isso é a roteirização dinâmica, que visa compartilhar os compromissos desse veículo com outro, possibilitando a ele um auxílio nas entregas quando for necessário.

Em uma década as estratégias de logística para e-commerce mudaram muito e nos próximos anos devem evoluir ainda mais. Fique antenado e garanta que a sua empresa esteja sempre à frente da concorrência!

Gostou das novidades? Aproveite para descobrir também como distribuir mercadorias em regiões fixas!

andrezza.vieira
About me

YOU MIGHT ALSO LIKE

Deixe um comentário:

Seu email não será publicado.