O que a tecnologia pode fazer pelos processos logísticos


A tecnologia, aliada aos processos logísticos proporciona diversos benefícios que contribuem para que os objetivos possam ser alcançados da maneira mais ágil, eficiente e assertiva possível. No artigo de hoje vamos falar mais sobre as vantagens obtidas através desse trabalho conjunto e como as empresas podem ser beneficiadas com isso. Continue acompanhando a leitura e confira agora mesmo!

Garantir a gestão e o fluxo de informações

A quantidade de informações que a área de logística lida durante um dia é altíssima — dados de clientes, fornecedores, parceiros, produtos, pedidos, entre outros. Para que elas sejam bem trabalhadas e possam ser utilizadas com agilidade e de forma assertiva, é necessário dispor de meios tecnológicos.

Esse fluxo de informações, aliado à rapidez no processamento dos dados é essencial para tornar o processo de comunicação mais claro e mais eficaz — o que pode trazer um grande diferencial no processo de tomada de decisões e na hora de se destacar dos concorrentes.

Tornar os processos logísticos ainda mais ágeis

Agilidade é um ponto chave quando falamos de logística. Ter processos logísticos mais ágeis significa mais rapidez na solução de problemas, na tomada de decisão, na definição de estratégias e na entrega das demandas solicitadas pelos clientes — seja de produtos, informações, ou resolução de problemas.

Integrar as áreas e empresas

De uma maneira geral, processos logísticos fazem parte de uma estrutura sequenciada. Por exemplo: a área de estoques recebe o pedido da área comercial, separa os itens, envia para a área de expedição. Esta por sua vez emite a documentação, realiza o carregamento, a roteirização e a liberação do veículo e finaliza com o transporte e entrega no cliente. Entretanto, um fluxo simples como esse não envolve apenas um departamento e não se restringe ao ambiente interno da empresa.

Nesse sentido a tecnologia permite que todas as áreas envolvidas, bem como as empresas parceiras, possam integrar seus processos, acompanhar e gerir em tempo real as atividades que estão sendo realizadas. Isso permite um controle bem maior, diminui os riscos e fornece à gestão uma capacidade maior para agir em casos de imprevistos.

Oferecer soluções que otimizem os resultados

Além de oferecer soluções que automatizem e modernizem os processos, é possível contar com soluções que vêm para melhorar ainda mais as atividades e aprimorar os processos. Como é o caso da ferramenta de Landmark, por exemplo, que permite a visualização de informações de forma mais estruturada, melhorando a identificação de como elas se relacionam e auxiliando no processo de tomada de decisão e criação de estratégias de atuação.

Esses são apenas alguns dos aspectos em que a tecnologia pode auxiliar os processos logísticos. Mas, de maneira geral, podemos dizer que ela facilita as rotinas, aumenta a produtividade, aprimora as atividades e seus resultados, reduz erros, desperdícios e custos operacionais.

Sendo assim, é possível concluir que, quanto mais disposta uma empresa estiver em investir em TI em seus processos, mais e melhores resultados ela poderá obter em suas operações. Só é preciso ter o cuidado de avaliar quais delas condizem com os objetivos organizacionais e até que ponto as operações conseguem absorver seus custos.

O que achou desse post? Ficou claro como a tecnologia se relaciona com os processos logísticos e quais benefícios ela tem a oferecer? Compartilhe suas opiniões conosco através dos comentários!

 

Bruna Costa
About me

Deixe um comentário:

Seu email não será publicado.