Geomarketing: entenda como melhorar a aquisição de clientes!


Você já ouviu falar em geomarketing, mas não faz ideia do que isso quer dizer? Não tem problema, a gente te explica! O geomarketing é mais uma das ferramentas que profissionais de comunicação tem para entender melhor seu público, compreender suas necessidades específicas e gerar produtos e serviços que as atendam. Para isso, é preciso entender um pouquinho sobre como a ideia surgiu.

O que é geomarketing?

Geomarketing pode ser definido de maneira simples como a integração entre o marketing como conhecemos e inteligência geográfica, mas o que exatamente isso quer dizer na prática? O geomarketing considera a visualização em mapas e a análise de dados para definir suas decisões de vendas, logística e promoção. A ideia é bem simples: a localização dos seus clientes importa, e muito, na hora de escolher a sua marca em detrimento dos concorrentes. Então, ter informações cruciais sobre o tamanho do seu mercado e perfil de público-alvo soma valor à sua estratégia.

O que diferencia o bom geomarketing do ruim é exatamente a qualidade da informação e o que você faz com ela. Não basta saber o tamanho do seu mercado consumidor se você não souber os estados, municípios e bairros em que reside o maior potencial de vendas. Sem essa informação a empresa pode acabar deixando de lado oportunidades de expansão ou reposicionamento que seriam um ótimo negócio.

Como o geomarketing funciona?

O geomarketing está diretamente ligado a disponibilidades de mapas digitais que temos ao nosso alcance hoje. É sobre eles que sua equipe desenvolverá um estudo de casos levantando os dados necessários para sua análise geográfica. Esses dados vêm de diversas fontes, como o IBGE, que tem uma quantidade incrível de dados sociodemográficos a partir dos quais é possível traçar a população de uma determinada área.

Compreender sua faixa etária, perfil de trabalho e a composição de seus núcleos familiares. Além disso, as equipes podem desenvolver e encomendar pesquisas independentes, específicas para a análise em questão, de acordo com as necessidades do projeto. Existem consultorias e institutos especializados em conseguir a informação que você precisa sobre o seu cliente.

Como o geomarketing pode ajudar minha empresa?

O geomarketing tem o poder de auxiliar a tomada de decisões num empreendimento. Com ele, é possível justificar a abertura ou expansão de um mercado e avaliar se o investimento foi feito da maneira correta e se sua marca está realmente conquistando novos consumidores. Descobrir se você precisa abrir um novo ponto de venda ou apenas relocalizar um que já existe.

Geomarketing também é usado no desenvolvimento de produtos de inovação, identificando problemas específicos e permitindo que designers, engenheiros e outros profissionais os conheçam bem o bastante para oferecer novas soluções.

Automatize sua gestão de dados georreferenciados com o Landmark

Além de consultorias e institutos especializados, existem plataformas de inteligência geográfica no mercado que possibilitam a análise de dados georreferenciados sem a necessidade de fazer um investimento comprometedor.

O Landmark é uma dessas ferramentas. Com ele, é possível gerir dados de análises geográficas através da plataforma, que fica online 24 horas por dia e não precisa ser instalada no seu computador. Isso elimina o custo da compra de softwares e adaptação da infraestrutura atual, permitindo que sua empresa comece a usar o geomarketing agora mesmo!

Com uma interface amigável, o Landmark tem cobertura global e permite a inserção de informações referentes a qualquer país do mundo, com a flexibilidade que seu projeto precisa. Feito para quem trabalha com gestão, consegue se integrar com as principais ferramentas do mercado e gerar relatórios dinâmicos a partir das informações analisadas.

É claro que a qualidade do seu atendimento e produto são ainda o carro-chefe da sua empresa, e investir em geomarketing sem ter uma estratégia bem definida pode ser perda de tempo. Aqui, não importa apenas a qualidade dos dados coletados, mas a leitura que você faz deles.

Conseguir transformar essas informações em ideias funcionais e lucrativas é um grande desafio. Você está preparado para ele? Conta pra gente nos comentários!

Bruna Costa
About me

Deixe um comentário:

Seu email não será publicado.